Aprendendo Com As Plantas

24 Feb 2019 20:42
Tags

Back to list of posts

<h1>Cinco Sugest&otilde;es Pra Escolher O Tapete Impec&aacute;vel</h1>

<p>Ter plantas em resid&ecirc;ncia socorro a decorar e carregar mais vida aos ambientes. Gosto plantas e flores. Elas trazem vida e alegria aos ambientes. Em todos os projetos que fa&ccedil;o, seja em espa&ccedil;os grandes ou menores, casas ou apartamentos, ambientes comerciais ou residenciais, elas a todo o momento t&ecirc;m o seu espa&ccedil;o. 4 Cozinhas Pequenas E Bem Resolvidas , no entanto acho essencial mexermos com a terra nos dias de hoje.</p>

<p>Assim sendo, cuido pessoalmente de minhas plantas. &Eacute; uma &oacute;tima terapia. Com o tempo fui aprendendo e percebendo como cada esp&eacute;cie prefere ser tratada. A t&iacute;tulo de exemplo, samambaias, que eu gosto, gostam de vasos de fibra de coco, sempre pendurados, pra que tuas folhas cres&ccedil;am pendentes. Tamb&eacute;m necessitamos prestar aten&ccedil;&atilde;o nos ambientes.</p>

<p>Qualquer um pede um tipo indicado de planta. Os lugares que recebem muito sol e vento necessitam ter esp&eacute;cies diferentes dos ambientes internos. Parece &oacute;bvio, no entanto n&atilde;o &eacute; o que vejo por a&iacute;. Assim como &eacute; muito s&eacute;rio a localiza&ccedil;&atilde;o e a maneira de exposi&ccedil;&atilde;o, ou melhor, em qual tipo de vaso sua plantinha ir&aacute; viver.</p>

<p>Tudo isto vai precisar mais uma vez da esp&eacute;cie da planta e tamb&eacute;m da decora&ccedil;&atilde;o do lugar e do espa&ccedil;o acess&iacute;vel. Sim, necessitamos reflexionar no espa&ccedil;o. Transforme Seu Local De Trabalho trabalhar de imensas maneiras. Podem ser penduradas, em vasos no ch&atilde;o, forrando uma parede ou plantadas pela terra. O que importa &eacute; ter flores e plantas em casa. Outra coisa que fa&ccedil;o quest&atilde;o de ter nos meus projetos residenciais &eacute; uma horta. Nem sequer que sejam vasinhos na janela. Compre terra adubada (se poss&iacute;vel org&acirc;nica) e mudas de alecrim, manjeric&atilde;o, salsa, cebolinha etc. Para os vasos, reutilize latas de molhos, azeites e algumas embalagens inusitadas. 50 Modelos De Rack Retr&ocirc; Para Decorar A Sua Sala , tua mini-horta ficar&aacute; supercharmosa. Para finalizar, uma frase que minha av&oacute; me dizia: nossa exist&ecirc;ncia &eacute; como a das plantas, no momento em que bem cuidadas e adubadas, evoluem e d&atilde;o frutos. Dessa maneira, m&atilde;os &agrave; obra.</p>

<p>Na &aacute;rea dedicada ao living do Studio 02, assinado pelo arquiteto Francisco Calio projetou, o item de destaque &eacute; uma piscina com jatos de hidromassagem. 5 Dicas Para Escolher O Tapete Melhor da arquiteta Mar&iacute;lia Caetano pra mostra &eacute; o Loft de H&oacute;spedes, de quarenta m&sup2;. Para decorar o living, a profissional escolheu os tons de cinza e marrom.</p>

<p>Pela Sala do Colecionador, o profissional Edu Comprido prop&otilde;e um espa&ccedil;o pra introduzir os amigos e principalmente um local para anexar pe&ccedil;as de cole&ccedil;&atilde;o. No ambiente, h&aacute; brinquedos dos anos 1980, est&aacute;tuas orientais e objetos de antiqu&aacute;rio. Na Sala do Colecionador, o profissional Edu Alongado prop&otilde;e um espa&ccedil;o para agrupar os amigos e principalmente um ambiente pra adicionar pe&ccedil;as de cole&ccedil;&atilde;o. No recinto, h&aacute; m&aacute;quinas fotogr&aacute;ficas antigas, brinquedos dos anos 1980 e instrumentos de antiqu&aacute;rio. Pro living do Ateli&ecirc; do Estilista, o profissional Bruno GAP usou cores claras e texturas leves. O painel, ao fundo, tem partes centrais em madeira e as laterais espelhadas. Inspirado pelos lofts, Gustavo Paschoalim desenhou a Sala de Vinhos.</p>

<p>A &aacute;rea de estar mistura equipamentos r&uacute;sticos aos m&oacute;veis com desenho contempor&acirc;neo. Com inspira&ccedil;&atilde;o nos velejadores e tuas casas &agrave; beira mar, a arquiteta Selma Tammaro desenhou, pro Chal&eacute; do Velejador, um living com duas &aacute;reas: ao fundo, uma sala ampla e &agrave; frente, um espa&ccedil;o com poltronas e lareira. No Chal&eacute; do Velejador, assinado por Selma Tammaro, o living tem decora&ccedil;&atilde;o em cores claras, com exce&ccedil;&atilde;o do tapete em tom escuro. Instrumentos de decora&ccedil;&atilde;o exercem refer&ecirc;ncia &agrave; vida dos velejadores e ao assunto beira-mar. Pro Living, D&eacute;bora Aguiar traz a madeira, como destaque no revestimento, e o mobili&aacute;rio nas cores neutras e tons pastel.</p>

<ul>

<li>O branco &eacute; uma cor tradicional para bancada de cozinha</li>

<li>Camila Veloso says</li>

<li>2/sete (Arquivo pessoal)</li>

17434-265322.jpg

<li>Pendure tudo o que for poss&iacute;vel</li>

<li>trinta e cinco - Patchwork</li>

</ul>

<p>A profissional D&eacute;bora Aguiar assina o Living, que re&uacute;ne obras de arte em nichos suspensos. O espa&ccedil;o da arquiteta Fernanda Marques re&uacute;ne living e cozinha integrados. Em primeiro plano, o m&oacute;vel em couro com encostos articul&aacute;veis. O espa&ccedil;o da Charles Rennie Mackintosh living e cozinha integrados. No Est&uacute;dio do Arquiteto, o arquiteto Ugo di Pace utiliza os tons claros e a luz natural pra destacar as obras de arte e pe&ccedil;as de &eacute;poca &quot;garimpadas&quot;. No ambiente Hotel Black, assinado por Guilherme Torres, as linhas do teto feito de bambu orientam o observar pra vista do alto do 23&ordm; andar. O sof&aacute; e as mesas foram criados pelo escrit&oacute;rio do arquiteto.</p>

<p>Numa &quot;caixa de fundo cinza&quot;, com p&eacute; justo duplo (s&atilde;o 7 metros de altura!), Roberto Migotto usou, pra compor o ambiente, pe&ccedil;as que variam numa paleta de rosas, cinzas e vinho. No lugar Gharimpeira (o living da joalheria), projetado pela arquiteta Karina Afonso, se destacam as poltronas Ice Acr&iacute;lico (Artefacto). Desenhado pelo arquiteto Jo&atilde;o Armentano, o extenso Living, com p&eacute; certo duplo de 7 metros de altura, traz um grande painel em madeira e espelho (criado pelo pr&oacute;prio profissional) que reflete toda luminosidade vinda dos janel&otilde;es de vidro.</p>

<p>Desenhado pelo arquiteto Jo&atilde;o Armentano, o enorme Living, com p&eacute; direito duplo de sete metros de altura, conta com uma &aacute;rea de estar e um escrit&oacute;rio (ao fundo). O Loft do Colecionador, de autoria de Fernando Piva, traz um leg&iacute;timo acervo de obras de arte, que somam o valor de dois milh&otilde;es de reais. Canais De Decora&ccedil;&atilde;o Que voc&ecirc; deve Compreender , os arquitetos Marcelo Brito e Pedro Potaris usaram papel de parede de efeito 3D pela coluna central e o de posse ac&uacute;stica pela parede (&agrave; esq.).</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License